Haicais Visuais

trabalhos que mesclam design, arte e poesia

Shine

Novo cartaz analisado

Volver - leia e escolha o próximo

Churches

Marcia Okida - arte e design

Design, cor e arte nunca se separam

Churches

design e tatuagens

as mandalas e seus simbolos

Civic Involvement

Revista Estar Bem

artigos sobre cores

Civic Involvement

presente especial

com muita arte e design

Civic Involvement

Na ZUPI

artigos sobre design

Civic Involvement

Sobre Coisas e Design

"artigos para o Artefatocultural"

Action

• Noite Estrelada é sobre meu trabalho e minhas paixões. Experimente cada área acima e espero que goste.

Mandalas, tatuagens e design

Revista Estar Bem artigos sobre cores

leia...

• AS CORES DO SEXO

• veja listagem de todos os artigos já publicados aqui

Este artigo fala de como as cores podem ajudar em um relacionamento. Foi originalmente escrito para o site Guia do Sexo do UOL em 2002 e que me fez parar no extinto programa Noite Afora com a Monique Evans falando de cores e sexo. Nunca me imaginei em uma cama redonda com ela, foi surreal e muito legal. Tenho a gravação e prometo que um dia coloco aqui, já que muitos me pedem.


As Cores do Sexo

Como as cores podem influenciar e qual a melhor maneira delas serem utilizadas no ato sexual.


Calor, suor, pupilas dilatadas.

A pulsação aumenta, os batimentos cardíacos aceleram.

O sangue, que parece que vai sair pelos poros, corre nas veias até terminar em um único instante curto de prazer e gozo.

Êxtase total.

Os corpos quentes e suados agora permanecem inertes na cama, soltos, saboreando o momento… e a pele vermelha do calor daquele instante vai retomando sua cor natural, crua, nua, esperando que mais uma vez seus tons mudem em busca de um novo momento de prazer.

Desde que a vida existe, as cores estão no universo traduzindo, em seus tons mais variados, as formas de comunicação. Nas folhagens das plantas, nas pétalas das flores, nos pássaros que inflam seus peitos coloridos em busca das fêmeas, nos animais que mudam de pele e cor no ritual do sexo.

Por que seria diferente nos homens?

Não é possível ao homem mudar de plumagem ou inflar seu peito colorido, mas alguns sinais cromáticos podem ser vistos na pele quando se está excitado. É possível também usar as cores como um elemento afrodisíaco de aproximação e comunicação.

Algumas cores possuem um forte apelo erótico, tanto psicologicamente como fisiologicamente.

As principais são: o vermelho e o violeta (ou roxo) que influenciam sexualmente através de associações e reações cromáticas e por um conjunto sinestésico, (percepção dos cinco sentidos juntos), que pode auxiliar no momento do ato ou na preparação do ritual sexual.

O vermelho é considerado uma cor afrodisíaca feminina, ou seja, possui a capacidade de fazer com que os homens se estimulem sexualmente. Já o violeta ou roxo, é afrodisíaca masculina, faz a mulher se sentir estimulada.

Essas reações independem da pessoa gostar ou não de uma cor. Qualquer mulher se estimula com o violeta, mesmo que a odeie. O mesmo ocorre com os homens em relação ao vermelho. Usar algum detalhe nessas cores pode fazer com que uma pessoa se sinta atraída pela outra, ou fazer com que alguns momentos se tornem mais quentes. Já o uso exagerado pode surtir efeito contrário ou desestimulador.

Na criação de um ambiente erótico e sensual que estimule o casal, devemos usar ambas as cores em detalhes na decoração e no ambiente como: roupa de cama em um tom pastel como bege ou cinza claro, com detalhes em vermelho ou violeta. A decoração pode possuir elementos nessas cores como: um vaso de flores, um quadro, uma luminária. O importante é saber que o uso de um lençol totalmente vermelho não terá um melhor resultado somente porque o espaço ocupado pela cor é maior; o que faz a cor ter um efeito mais forte é o seu uso de maneira leve, percebido pela visão periférica e não enchendo nossos olhos.

O excesso é totalmente prejudicial neste caso.
De um modo pessoal, as cores podem aparecer em detalhes da roupa ou de lingeries.

Na mulher, um batom, um esmalte ou um brinco vermelho pequeno, funcionam mais do que toda uma roupa vermelha.

Nos homens, uma gravata, um detalhe na blusa, uma listra, um bordado, um detalhe na cueca também são mais eficientes do que uma camisa toda violeta.

Para completar o clima sensual e erótico, esse conjunto pode ser reforçado pelo uso das associações sinestésicas dessas cores que são:

• para o olfato, aromas doces e fortes como qualquer perfume afrodisíaco;

• na audição, sons com uma forte marcação de fundo, semelhante aos batimentos cardíacos, como no Bolero de Ravel, ritmos como tangos de Astor Piazzolla, qualquer som sensual como o de um sax, mas sempre instrumental;

• e para o paladar, sabores fortes e picantes.

Com isso, a cor exerce uma influência completa em que todos os cinco sentidos são afetados. Mas não exagere aqui também colocando no ambiente um excesso de perfume que enjoe, uma música tão alta e barulhenta que incomode e um sabor tão picante que te impeça de fazer o principal: curtir maravilhosamente o ato sexual.

Algumas outras cores podem ser usadas em um momento de relaxamento entre o casal, como o verde ou lilás, sempre em tons claros.

Se a idéia é uma relação com bom-humor, uma pitada de laranja ajuda, já que é uma cor que levanta o astral. Mas evite sempre o amarelo que tensiona demais o sistema nervoso, o azul porque relaxa em excesso, e o branco que por ser a junção de todas as cores pode causar inquietação.

Em posse dessas funções e reações cromáticas podemos até camuflar, aumentar ou diminuir sensações, mas a tonalidade que nossos corpos apresentam no momento de prazer e gozo total não pode ser pensada, fingida ou planejada.

Portanto, uma pele enrubescendo, a pupila dilatada reforçando suas cores e vasos sangüíneos, os lábios mais rubros e as extremidades do corpo mais avermelhadas demonstrando o aumento dos batimentos cardíacos são sinais de desejo.

Observe esses sinais, junte a eles um pouco mais de cor e obterá momentos inesquecíveis de prazer.

Tudo testado a aprovado!

Eu garanto!

• veja listagem de todos os artigos já publicados aqui

Leave a Reply