Haicais Visuais

trabalhos que mesclam design, arte e poesia

Shine

Novo cartaz analisado

Volver - leia e escolha o próximo

Churches

Marcia Okida - arte e design

Design, cor e arte nunca se separam

Churches

design e tatuagens

as mandalas e seus simbolos

Civic Involvement

Revista Estar Bem

artigos sobre cores

Civic Involvement

presente especial

com muita arte e design

Civic Involvement

Na ZUPI

artigos sobre design

Civic Involvement

Sobre Coisas e Design

"artigos para o Artefatocultural"

Action

• Noite Estrelada é sobre meu trabalho e minhas paixões. Experimente cada área acima e espero que goste.

Mandalas, tatuagens e design

Revista Estar Bem artigos sobre cores

leia...

música

Ouça abaixo “Atrás da Porta” de Chico Buarque. Esta gravação é de um ensaio em estúdio de um grupo que ainda vai voltar a tocar por aí. Guitarra: Alê Morales – Baixo: Fabio Machado – Voz: Márcia Okida. Não reparem no clima de diversão do ensaio e na qualidade do som ok!

(Either JavaScript is not active or you are using an old version of Adobe Flash Player. Please install the newest Flash Player.)

A Música: uma descoberta recente, como cantora quero dizer, ou tentativa de ser cantora. Sempre fui ouvinte e amante da boa música. Em alguns textos que já escrevi, digo que se fosse uma música seria um tango de Astor Piazolla. (escute Adios Nonino aqui)

De ouvinte/amante, passei a ouvinte/cantora/amante. Isso faz uns 6 anos. A minha “primeira vez” foi com a música Metamorfose Ambulante quando também estreei nos palcos como “atriz” no teatro (esse papo fica na área de teatro). A segunda vez foi cantando músicas que Elis Regina eternizou, (que amo de paixão): Me Deixas Louca Vou deitar e Rolar – Qua Qua Ra Qua Quá. Isso aconteceu nos palcos do evento Santa in Concert, da Unisanta, pelas mãos da professora de música Maria Lúcia Godoy (Malú)

Abaixo um arquivo que achei perdido aqui de um ensaio com playback que a Malú gravou do último Santa in Concert (outubro 2008).

(Either JavaScript is not active or you are using an old version of Adobe Flash Player. Please install the newest Flash Player.)

Nessa mesma época, surgiu o grupo (que hoje não existe mais) DNArte com Alê Morales (guitarra), Fabio Machado (baixo), Beatriz França e Cristina Silveira (nos vocais comigo).

O grupo acabou mas Alê, Fabio e eu continuamos cantando em projetos culturais e alternativos da cidade. Atualmente este grupo, está “de férias” mas, segundo meu amigo Alê Morales, voltaremos gravando um cd com músicas próprias… aguardem! Quem sabe agora que escrevi aqui ele sai mais rápido!

Hoje, tenho outro grupo com Fabio Machado (agora no violão), Marcio Dias (cajón) e Neco (percussão). Nos apresentamos em projetos culturais de cinema da Associação Cultural Vontade de Ver.

Por aqui falarei da minha relação com a música. Design e música. Arte e música.

Espero que gostem de ler e ouvir. Enviem paplpites, comentários, sugestões etc etc.

Escrevi este testo ouvindo uma música que considero uma obra de arte de Chico Buarque e Edu LoboBeatriz – que acho que nunca irei cantar por acreditar que pouquíssimas pessoas tem a capacidade de cantá-la da maneira como Edu e Chico criaram. O próprio Edu Lobo já declarou que ninguém mais canta Beatriz do modo como deve ser cantada, além de Milton Nascimento, outro grande nome de nossa música. Quer ouví-la na voz de Edu Lobo e Milton? Escute aqui.

A letra para você ler e sentir:

Beatriz (Chico Buarque e Edu Lobo)

Olha
Será que ela é moça
Será que ela é triste
Será que é o contrário
Será que é pintura
O rosto da atriz

Se ela dança no sétimo céu
Se ela acredita que é outro país
E se ela só decora o seu papel
E se eu pudesse entrar na sua vida

Olha
Será que ela é de louça
Será que é de éter
Será que é loucura
Será que é cenário
A casa da atriz
Se ela mora num arranha-céu
E se as paredes são feitas de giz
E se ela chora num quarto de hotel
E se eu pudesse entrar na sua vida

Sim, me leva pra sempre, Beatriz
Me ensina a não andar com os pés no chão
Para sempre é sempre por um triz
Aí, diz quantos desastres tem na minha mão
Diz se é perigoso a gente ser feliz

Olha
Será que é uma estrela
Será que é mentira
Será que é comédia
Será que é divina
A vida da atriz
Se ela um dia despencar do céu
E se os pagantes exigirem bis
E se o arcanjo passar o chapéu
E se eu pudesse entrar na sua vida

Leave a Reply